Pecado

Me sentindo mais pesado do que o próprio corpo possa ser
Ou até um pouco além do que possa eu carregar
Sem choro e nem vela, minhas preces serão minhas
Desde a partida até onde a cruz devo carregar
Não morrerei por vocês, se por mim também não iriam se sacrificar
Perdoa-me senhor, não sei fazer o melhor pra te agradar
Assim como eles, eu também não sei o que faço.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s