Despedida

Amanhã, conto como foi
As histórias entre nós dois
Que escrevemos tão bem

Meu bem, não pare no tempo
Por que em algum momento
Não verá mais ninguém

Pra onde quer que você siga
Minha prece estará de vigia
Iluminando os passos teus
Espero que seja mais feliz
Do que pude fazer por nós dois

Além, do pesar dos pesares
Nós amamos de verdade
Pra todo mundo entender, que não

Sobrou magoa nas falas
Entre tantas risadas
A tua eu decorei

Pra onde quer que você siga
Minha prece estará de vigia
Iluminando os passos teus
Espero que seja mais feliz
Do que pude fazer por nós dois

Quero que me surpreenda
Mesmo que ainda não entenda
Porque teve de acabar

Eu sei, que tomamos medidas
Pra acharmos as saídas
Sem nos machucar

Espero que seja mais feliz
Do que eu pude te fazer,
Por nós dois

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s