Peso, pena.

Foram muitas histórias as que vivi
Algumas tristes, já outras não
Queria ter encontrado nelas a certeza
Mas a dúvida sempre foi a questão
E deixei me levar aos poucos e muitos
Por puro respeito e gratidão
Mas agora que cheguei de novo
Nesse antigo conto, apenas me pergunto
“Onde foi que ficou meu pesado coração?”
E por aí ando leve, até enfim reencontrar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s