Reis de um só

Eu coloquei meus olhos em você
E seus olhos foram tudo o que eu vi
Enquanto eu me cegava de amores, lentamente
E o coração rápido desparou em mim

Eu não conseguirei vencer de você
Se aproxima-los tão perto assim
Eu vou me perder dentro deles, rapidamente
Enquanto o tempo pára só pra mim

Você é bom nisso e talvez nem saiba
O que vem provocando dentro de mim
Você me faz tão bem, que chega a ser mau
Quando pra você sou apenas bom, enfim

Então vá em frente, eu me rendo
Apenas vá na frente, que eu te seguirei
É difícil admitir que com você seria mais fácil
Se você também não estivesse atrás de outro alguém

Então vá em frente, eu me rendo
Você é único, dentre os demais pra mim
Que tem poderes sobre-humanos, mutantes
Me fazendo sentinela atrás de ti

Me tens agora como teu escravo
Escravo de dois olhos, e um Reis

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s