Há tempo

Eu estava andando em círculos
Dando voltas em minha cabeça
Coberto por uma nuvem escura
Que puxava pra me acompanhar

Eu estava afundando em mim
Mesmo sabendo como nadar
Me deixando levar pela âncora
Enquanto o veleiro queria continuar

Eu não vou perder mais um minuto
Não vou deixar o ponto passar
Abandonar o banco de passageiro
Dirigir de novo até me cansar

Tirar forças da cartola ao invés de coelhos
Só sair do palco quando a música acabar
Dançar sozinho até que seja notado
Fazer dueto quando o amor me encontrar

E nunca mais me perder no meio de tudo que existe em mim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s